Archive for janeiro \28\UTC 2012

Falando sobre religião

28 de janeiro de 2012

Hoje, me veio a lembrança, que no trabalho com dependentes químicos que há dezessete anos ( 17 anos ), uma mãe de um dependente, ao recebê-lo de volta de uma chácara, e este filho, voltou, e queria mudar o mundo.  Mas o problema, era que ele queria começar, em sua casa, normal, para pessoas, os chamados “RECUPERANDOS”, pois nas chácaras para onde muitos vão, elas são de domínio público de Igrejas, e muitas são de Igrejas de tendência Protestante, ou pentecostal.  E, lá aprendem sobre um novo caminho, e querem todos os seus nele, mas, a forma como fazem, a urgência que eles enxergam, em tentar, levar os parentes, para este novo caminho, torna-os repetitivos, persistentes e as vêzes, inconvenientes, nas horas de suas explanações. Esta mãe, após um período, começou a maldizer o dia em que seu filho voltou, daquela chácara, e que ele, doido, de pedra, alucinado pelas drogas, não era tão inconveniente.  Ás vêzes seria melhor internar toda uma família para não cair nesta situação, o que nossa igreja a I P I  de FREGUESIA DO  Ó, faz trabalha com todos, e alerta aos familiares, sobre tal situação, e como lidar com ela.  Nós trabalhamos, para a libertação do dependente, mas o caminho e religião a seguir, é o “RECUPERANDO”, quem decide.

Falando sobre religião:

25 de janeiro de 2012

Quanto é hoje o total de coragem que voce tem, para dizer qual é realmente sua religião, mas dizer a religião que voce professa.  Porque esta pergunta? Simples! Muitos se escondem atrás de outras religiões, com vergonha de dizer: “Olha, minha religião é…”,  e não ficar dizendo que sua religião é a que tem origem em seu batismo, mas fica por aí, pois sua presença, é em outros terreiros, digo templos.

Hoje existem estatistícas, com números impressionantes, em relação, ao que se refere a denominações, placas de igrejas, onde o compromisso é únicamente, o de divulgar, uma doutrina, que se perde ao longo de poucas apresentações, por que desaparecem, por inanição, digo falta de conteúdo, e não é que falta empenho, nestes pontos de pregação, e sim compromisso com o verdadeiro Evangelho.

Por que isto? Simples, a disseminação de placas, e de nomes exdrúxulos destas denominações, num primeiro momento chama a atenção, para logo, se desvanecer, e sumir por completo, tamanha é a falta de conteúdo nas pregações.

As igrejas Reformadas, que deveriam dar bons exemplos, se perdem, por não ter identidade, a falta de “uma cara”, leva pessoas a se perguntarem, “quem sou eu neste universo de placas”, primeiro perderam nacos enormes de suas tradições, a defesa delas, se torna quase um mico, pois se você se diz crente, ou evangélico, não há um questionamento, sobre qual é a sua Igreja.

Poucos ou quase ninguém, hoje se diz: ” PROTESTANTE “, pois nem ao menos sabe o que vem a ser tal denominação, e por ” comodidade “, ou preguiça, ou ainda vergonha, de se dizer reformado, um protestante, prefere se dizer evangélico, e mais se distancia de suas origens, que vieram da igreja primitiva, ou nem ao menos tal igreja para muitos reformados, nem existiu, tamanho o seu desconhecimento, sobre tal tema.

Algumas igrejas reformadas, se tornaram tão pequenas para alguns membros, que acabam saindo em direção á outras denominações, pois estas pessoas, nunca tiveram identidade com a igreja reformada, a que pertenceram. ALGUNS SE TORNAM, TÃO BRILHANTES, QUE OS DEMAIS QUASE PRECISAM ENCARÁ-LOS USANDO ÓCULOS ESCUROS.  E o dono real da Igreja Aquele que se doou por ela, fica em segundo plano, pois Ele é oferecido, como mercadoria, que você, adquire e depois pouco usa e se esquece. JESUS, o real Dono de todas as igrejas a chamadas Cristãs, é oferecido como um avalista para muitos que se colocam como seu representante, mas a responsabilidade de cumprir todo o prometido, Ah!, este é JESUS, aquele, que cura, emprega, financia, e ainda sobra tempo, para receber pedidos e mais pedidos, para encaminhar, ao Pai, Senhor Nosso, e Deus Eterno. Pergunta é: O QUE TENS FEITO EM PROL DO REINO ETERNO, E POR CONSEGUINTE, PARA DEUS. A palavra de Deus, prega que deve de se examinar, o homem suas atitudes, seus feitos, e depois ver se podes ser bem recebido, diante do TRONO, Diante do CRIADOR.

 

Apenas falando:

24 de janeiro de 2012

Existem pessoas que tem em seus temperamentos, um, que se sobrepõe aos demais, é o do egoísmo; e ele acompanha a pessoa até o limite de que esta pessoa se vê quase só. O egoísmo tem por sua estrutura, doses de narcisismo, vaidade, luxúria, inveja e para fechar com chave de ouro, a pessoa egoísta sempre se mostra humilde, e na maioria das vêzes, consegue se superar e sua face empedernida se mostra quase angelical.

O que estas pessoas querem, na maioria das vêzes, é apenas  se enturmar, mas seu comportamento ambíguo logo se sobressai, e fica á mostra a verdadeira face da pessoa egoísta. Conviver com estas pessoas requer doses cavalares de perdas, de abandonos, de sapos engolidos, e de silêncio, que é a marca registrada de quem convive com pessoas egocêntricas, por muito tempo. Tudo passa pelo crivo de sua observação ( fiscalização ), se quer, e quase sempre não irá querer, mas se quer tem de ser adaptado ao seu modo, o famoso: ” Eu só aceito se for do meu Jeito “, e quase sempre consegue seu intento, pois pessoas que detestam polemizar, preferem ceder a contender, e no final, como a pessoa egoísta não irá ceder, e criará um ambiente insustentável, a maioria que já conhece a pessoa, cede, para evitar perda de tempo e de paciência.

Como se afastar destas pessoas egoístas, ou como evitá-las, simplesmente, não sei, elas aparecem do nada, quando tudo já está resolvido, e desarticula todos, e começa a mandar, e a tentar se impor, ás vêzes, em situações, em que ela nem caberia,como ir a uma festa onde todos são convidados e ela não; aí começa o: ” Ah! Gente, esta festa é a maior furada, só vai gente feia,e….”, mas se só vai gente feia, para alguns em seus pensamentos, surge : ela deveria ser a figura central da festa.

E, elas não mudam, até o dia em que se casam, e metade dos convidados, não vai, a outra metade vai porque os pais dela são gente fina e seus irmãos idem, pois se fosse só pela figura desta pessoa que quer ser o centro do universo, não iria nem padrinhos, talvez até a autoridade religiosa se conhecesse a noiva também se escafederia. E você onde se enquadra neste embróglio.

Apenas falando:

19 de janeiro de 2012

Jornais televisivos, citam, en passant, que vão mudar nosso código penal. Pensando alto, será que o código de hamurabi, lei do talião, não bastava. Disseram que está ultrapassado, mas se vão mudar as leis, e se por acaso, tiver que passar, todas as mudanças, pelas mãos do congresso, via poderes executivo, legislativo e judiciário, será que algum termocéfalo acha que os senhores feudais, coronéis, togados, etc…, vão deixar mudar algo, que fatalmente, irá cair, sobre eles, e ainda sobre até segunda geração desta caterva?   Como diria o Pica-pau:” Io no lo conosso “, ou melhor, mudança nas leis, eu creio que, até ano 2114, será difícil, pois estas gerações que estão no congresso, via pai, avô, tio, cunhado, nora, genro, capanga, (desculpem queria dizer  assessor ), vão pedir vistas, habeas-corpus, exílio, expatriamento, chorar no ombro da vovó, pedir asilo político, etc…, ufa!  Sabendo que 86,14%, dos poderes legislativo, executivo e judiciário, é composto por pessoas com as quais não as quero nem como vizinhos de quarteirão, eu, como já disse, eu não creio que esta cambada, esta tchurma, vá deixar mudar, o jogo que eles estão goleando, a população, a patuléia, aliás estes nobres, que já nem dão bola, até riem, quando são classificados como desclassificados; quem em sã consciência crê que eles deixarão mudar, estas leis que não os atigem, mesmo quando pêgos, com a mão na meia, na cueca, na bolsa, e se defendem, por serem iguais em tudo principalmente em CARÁTER. Durmam com o barulho que vai dar, esta TENTATIVA.

Apenas falando:

9 de janeiro de 2012

Sétimo mandamento, aquele que consta nas Sagradas Escrituras, diz: NÃO ADULTERARÁS.

Se voce der uma olhada no DÉCIMO MANDAMENTO vai encontrar que DEUS reafirma, que a mulher do próximo pertence ao próximo, e por conseguinte, se voce tão sómente der uma reles espiada com uma dose de empenho maior, á  ponto de sua mente e seu coração se encher de vontade espúria de possuí-la, este fato se configurará em adultério.

Se DEUS que tudo vê, tudo sabe, reforça nas tábuas da lei, e em diversas outras passagens, de livros da Bíblia, que você deve se manter longe de FICAR COM SEUS OLHOS, PREENCHENDO SUA MENTE COM COM FIGURA DA PESSOA QUE POR DIREITO E DE FATO PERTENCE A OUTRO, ELE com certeza quer lhe dar uma chance de sair do pecado.

Folha de S.PAULO, dia 09 de  Janeiro de 2012, página E10 – Caderno Ilustrada, artigo de Luiz Felipe Pondé, Título – FRANCESCA.

O autor diz: ” O adultério é um pecado, principalmente quando há amor; talvez, somente quando há amor “.

E Diz mais: ” A alma de um pecador é a sua consciência de que faz algo contra alguém que não merece. A pior tragédia do adultério se dá quando o traído é inocente”.

Ao contrário do que muitas mulheres casadas pensam, muitos homens sacrificam suas vidas afetivas em nome delas e dos filhos, em silêncio. A virtude é sempre discreta”.

E, eu gostaria de acrescentar que muitas mulheres, também se sacrificam em seu dolorido silêncio, pelos mesmos motivos.

O autor continua: ” E mais: é pecado porque o adultério faz você ver que existe alguém dentro de você que é despertado do sono por outra pessoa e não aquela que divide honestamente e cotidianamente o dia a dia de sua vida .”.

Quando pessoas mesquinhas passam a usar de todo o seu arsenal de cinismo e de falta de caráter, quando para justificar sua perdulária vida, elas não medem esforços para dar um novo colorido ás suas vidas, destruindo lares pensando que irão refazer os seus sobre o miséria dos outros.

E, neste círculo de pessoas com condutas reprováveis, estão todos os tipos de homens e mulheres, inclusive áquelas que fazem de suas falas veículos de condenação á estas condutas de hábitos deléterios, são o escárnio, a esbórnia, o mais baixo cidadão/cidadã, que por suas condutas merecem todo o desprezo, a indiferença, e que DEUS a julgue, e as afastem dos caminhos das pessoas de bem.

Como é triste ouvir relato de pessoas que flagram, pessoas em momentos de respeito, com as mãos cobrindo o rosto, e em um momento são vistas com os olhos abertos espreitando entre os dedos e quando são flagradas, sua atitude, não muda, logo em seguida repete a cena, como se ninguém houvesse notado.

Estes mesmos falam sobre a nobreza do perdão, mas suas atitudes, são as de pessoas que precisam de perdão todas as vezes que se deparam com certas pessoas, que embotam suas mentes e fazem desaparecer de suas memórias a figura de suas esposas/maridos, aquelas(es) que são vistas em atitudes de carinho para com o desavergonhado(a), e no auxílio em suas funções, mas se DEUS reforçou a sua preocupação em relação a condutas, sua preocupação em relação ao ADULTÉRIO, se mostra nos dias atuais, que eram, são, e provavélmente serão fundamentadas, pois os casais dos nossos dias acolhem influência de novelas, filmes, seriados, de quão normais são as separações , pois para cada casamento, existem no mínimo três divórcios.

 

.

A